Domingo, 2 de Maio de 2010

MÚSICAS AO DOMINGO

Uma canção, um autor, dois interpretes.

 

 

 

música: Maio, Maduro Maio

publicado por felismundo às 08:00
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Quinta-feira, 22 de Abril de 2010

MÚSICAS DE ABRIL

música: OS ÍNDIOS DA MEIA PRAIA

publicado por felismundo às 13:19
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Quarta-feira, 24 de Fevereiro de 2010

23 DE FEVEREIRO

Sei que estou a escrever no limbo deste dia. De qualquer forma, aqu nos Açores é menos uma hora que no continente, razão porque ainda estou a tempo de dizer o porquê de aqui estar.

Foi à 23 anos, tinha sabido da morte do Zeca e preparávamos a ida para Setubal, onde iria decorrer o funeral, a 24. O que essas horas representaram, ainda hoje não consigo verbalizar, razão porque vou aqui deixar o relato da notícia.

 

 

José Afonso morreu no dia 23 de Fevereiro de 1987, no Hospital de Setúbal, às 3 horas da madrugada, vítima de esclerose lateral amiotrófica, diagnosticada em 1982. O funeral realizou-se no dia seguinte, com mais de 30 mil pessoas, da Escola Secundária de S. Julião para o cemitério da Senhora da Piedade, em Setúbal, onde a urna foi depositada às 17h30 na sepultura 1606 do quadro 19. O funeral demorou duas horas a percorrer 1300 metros. Envolvida por um pano vermelho sem qualquer símbolo, como pedira, a urna foi transportada, entre outros, por Sérgio Godinho, Júlio Pereira, José Mário Branco, Luís Cília, Francisco Fanhais.

 

 

Deixo agora algumas reflexões que o Zeca nos legou, importantes neste momento da vida portuguesa


   Azeitão 1979-1987
"Curioso é que nós passamos 40 ou 50 anos de uma vida a fazer determinadas coisas e um dia mais ou menos de repente, sem que renunciemos a nada do que fizemos, apercebemo-nos de que tudo deveria ter sido diferente. 
É apenas uma vaga sensação que se instala, sem que saibamos defini-la muito bem. 
No fundo sou muito mais contraditório e supersticioso do que quis admitir ao longo dos anos."
"Eu sempre disse que a música é comprometida quando o músico, como cidadão é um homem comprometido. Não é o produto saído desse cantor que define o compromisso mas o conjunto de circunstâncias que o envolve com o momento histórico e político que se vive e as pessoas com quem ele priva e com quem ele canta.
"Não me arrependo de nada do que fiz. Mais: eu sou aquilo que fiz. Embora com reservas acreditava o suficiente no que estava a fazer, e isso é o que fica. Quando as pessoas param há como que um pacto implícito com o inimigo, tanto no campo político como no campo estético e cultural. E, por vezes, o inimigo somos nós próprios, a nossa própria consciência e os alibis de que nos servimos para justificar a modorra e o abandono dos campos de luta."
" Admito que a revolução seja uma utopia, mas no meu dia a dia procuro comportar-me como se ela fosse tangível. Continuo a pensar que devemos lutar onde exista opressão, seja a que nível for."


publicado por felismundo às 00:14
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Domingo, 26 de Julho de 2009

MÚSICAS DE DOMINGO

 Esta hoje, é sem palavras!

 

 

 

Música: José Manuel Cerqueira Afonso dos Santos (1929-1987)
Letra: Reinaldo Edgar de Azevedo e Silva Ferreira (1922-1959)

Menina dos Olhos Tristes,
O que tanto a faz chorar?
O soldadinho não volta
Do outro lado do mar.

Senhora de olhos cansados,
Porque a fatiga o tear?
O soldadinho não volta
Do outro lado do mar.
Vamos, senhor pensativo,
Olhe o cachimbo a apagar,
O soldadinho não volta
Do outro lado do mar.

Anda bem triste um amigo,
Uma carta o fez chorar.
O soldadinho não volta
Do outro lado do mar.

A Lua que é viajante,
É que nos pode informar
O soldadinho já volta
Do outro lado do mar.

O soldadinho já volta,
Está quase mesmo a chegar.
Vem numa caixa de pinho.
Desta vez o soldadinho
Nunca mais se faz ao mar.

sinto-me:
música: Menina dos Olhos Tristes

publicado por felismundo às 08:04
link do post | comentar | ver comentários (6) | favorito
Segunda-feira, 6 de Abril de 2009

MÚSICAS EM ABRIL

Hoje, uma fusão feliz.

A voz do Zeca Afonso e uma música tradicional dos Açores.

 

 

 


publicado por felismundo às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Terça-feira, 24 de Fevereiro de 2009

ZECA AFONSO - SEMPRE

 Ao reouvir o discurso  de Alípio de Freitas, numa das inúmeras comemorações que assinalaram, em 2007, o vigésimo aniversário da sua morte, e, como eu, fui um dos muitos, que estivemos em Setúbal, no seu funeral, não posso deixar de aqui, passados dois anos relembrar, este tão importante, como necessário, testemunho.

 

 

 


publicado por felismundo às 07:00
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim

.pesquisar

 

.Outubro 2013

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
10
11
12

13
14
15
16
17
18
19

21
22
23
24
25
26

27
28
29
30
31


.posts recentes

. MÚSICAS AO DOMINGO

. MÚSICAS DE ABRIL

. 23 DE FEVEREIRO

. MÚSICAS DE DOMINGO

. MÚSICAS EM ABRIL

. ZECA AFONSO - SEMPRE

.arquivos

. Outubro 2013

. Junho 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Novembro 2012

. Setembro 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

.tags

. todas as tags

.últ. comentários

Meu caro Armando Facadinhas, só hoje dei pelo teu ...
Meu caro Armando, é com todo o gosto que te vejo p...
boa tarde é armando facadinhas câmara municipal d...
Salvé o retorno à blogosfera. As nossas ausências ...
Tens toda a razão, o esquecimento é uma coisa cont...
Boa recordação.É uma pena estes nomes irem caindo ...
Parecendo que não, duplicou o drama!!!
Oportuno, realmente.Ainda era o marido a trabalhar...
Olá.Um belo poema de António Ramos Rosa.A 1ª vez q...
Na verdade o abandono dos blogs também me tocam......

.links

blogs SAPO

.subscrever feeds